Hergé foi vítima de sida?

Publié le par Zetantan


 
 
Segundo notícia divulgada ontem no jornal belga "Le Soir", Hergé terá morrido após a contracção do vírus da sida. No dia em que os tintinófilos do mundo inteiro celebravam os 100 anos do nascimento do autor, a suposição foi avançada por Philippe Goddin, um dos maiores especialistas em Hergé, que prepara uma nova biografia a editar no Outono. Goddin sustenta que Hergé terá sido infectado por sangue contaminado - nos últimos anos de vida sofreu múltiplas transfusões que foram necessárias porque "os problemas de saúde de Hergé estavam ligados a uma coproporfiria hereditária. Esta doença, raríssima, explicaria a degradação progressiva da saúde mental da sua mãe, falecida após ter sofrido diversas crises de loucura".

Segundo a versão oficial, Georges Rémi (nome verdadeiro de Hergé) teria falecido devido à leucemia, o que não explica as "gripes, bronquites e pneumonias de que padeceu desde as transfusões". Na época, embora já conhecido, o vírus HIV, "ainda não era identificável" - Hergé faleceu a 3 de Março de 1983 - "e a as transfusões faziam-se sem precauções especiais", insiste Goddin. F. Cleto e Pina
in JN

Publié dans tintinofilo

Commenter cet article