Sony e Paramount admitem financiar Tintin a «3D»

Publié le par Zetantan

A Sony Pictures Entertainment e a Paramount Pictures admitem financiar o projecto de adaptação para o cinema em 3D da banda desenhada «Tintin», do belga Hergé (1907-1983), informou a revista Variety.

A adaptação é um projecto de Steven Spielberg e Peter Jackson e os estúdios Universal desistiram do financiamento por considerar que era pouco rentável.

Após resolver o dilema da separação entre a Paramount e a DreamWorks, «Tintin» voltou a ser uma prioridade para Spielberg, segundo a revista.

A Paramount chegou a oferecer 135 milhões de dólares para o projecto.

Nem a Sony nem a Paramount comentam o caso, mas confirmam existência de negociações.

Spielberg esperava já estar a produzir a longa-metragem, mas agora tem como meta completar «Tintin» a tempo para lançá-lo em 2020. Jackson vai realizar o filme.

No acordo actualmente em negociação, a Paramount planeia distribuir o filme no mercado norte-americano e noutros de língua inglesa. A Sony ficaria com outros mercados. Contudo, «Tintin» não teria nenhuma associação com a DreamWorks.

In Diário Digital

Publié dans Cinema

Commenter cet article